Vanda: “A entrega das cestas chegou em um momento muito bom, porque meu esposo não estava recebendo normal na empresa, então ajudou muito a gente a se manter”

Desde o início da pandemia de COVID-19, a entrega de cestas básicas tem ajudado milhares de famílias em situação de vulnerabilidade a terem uma fonte de alimentação de qualidade. Em Fortaleza (CE), a ação da Visão Mundial, em parceria com a XP Investimentos, levou, durante três meses, cestas básicas a famílias do bairro de Santa Maria, onde Vanda, de 45 anos, vive com o esposo e dois dos seus quatro filhos: Andrew, de 13 anos, e Álvaro, de 6.

Vanda é dona de casa e a única fonte de renda vem do esposo, que trabalha como motorista de caminhão. Mas, desde o início da pandemia, ele teve o salário reduzido, o que impactou diretamente a qualidade de vida da família. “A entrega das cestas chegou em um momento muito bom, porque meu esposo não estava recebendo normal na empresa, então a cesta ajudou muito a gente a se manter”, conta.

Outra mudança significativa na vida da família veio com o isolamento social. “Eu não trabalho fora, fico só em casa cuidando das crianças. Tem um dos meninos que tem asma, então não posso receber ninguém e nem sair”, conta. Vanda se refere ao filho mais velho, Andrew, que apesar de ter uma asma controlada, está dentro do grupo de risco e, para protege-lo, ela e a família precisam tomar todas as precauções.

“As crianças estão sempre reclamando muito por conta de não poder sair. Eles acordam, tomam café, assistem TV, almoçam, fazem um pouquinho da tarefa, e voltam para a TV de novo. É uma rotina maçante para as crianças”, completa.

Assim como Vanda, 1.800 famílias foram beneficiadas com a doação de cestas básicas em Fortaleza. A cidade esteve, por semanas, entre as capitais com os índices de contaminação mais preocupantes no Brasil. Em uma tentativa de conter a disseminação do vírus, durante os três meses da ação, as cestas básicas foram entregues de casa em casa.

Confira, no vídeo abaixo, um pouco mais sobre a história de Vanda e família:

Texto: Ana Luz / Visão Mundial Brasil
Imagens: Analice Diniz / Visão Mundial Brasil