Projeto Juntos pela Vida leva assistência a famílias em municípios do Maranhão durante a pandemia

Os impactos da pandemia sobre as comunidades mais afastadas da região Nordeste têm sido acentuados pela pobreza, ausência de saneamento básico e acesso ao atendimento básico de saúde. Até o final de julho, a Secretaria de Saúde do Estado do Maranhão registrava 1.757 casos de contaminação pelo novo coronavírus, sendo 1.643 em municípios do interior. Com o objetivo de alcançar essas comunidades mais vulneráveis, a Igreja Batista Missionária (IBM) no Maranhão, por meio do movimento Juntos pelas Crianças, da Visão Mundial, deu início ao projeto Juntos pela Vida.

O projeto iniciou em junho e movimenta campanhas de arrecadação e distribuição de alimentos e kits de higiene, compostos por sabão líquido, álcool em gel e máscara, além de levar orientações sobre os cuidados preventivos contra a COVID-19 a 250 famílias de comunidades da região metropolitana de São Luís. “Sabemos que o interior do Maranhão é precário em vários aspectos. Mas presenciar casos de pessoas com mais de 30 anos sem saber ler e escrever de fato me impactou”, relata Sofia Pae, voluntária do projeto e que trabalhou na arrecadação e distribuição de cestas básicas no bairro Pindaí, no município de São José de Ribamar.

Antes da pandemia, a Igreja já desenvolvia ações voltadas para melhoria das condições de vida das comunidades no bairro Pindaí, como escolinha de futebol para crianças e adolescentes e a Comunidade Terapêutica do Maranhão (CTM), com tratamento para pessoas com dependência química. Diante do isolamento social e suspensão temporária das atividades presenciais nos projetos, a necessidade de assistência às famílias ficou ainda maior.

Frente a esse desafio crescente foi que a Igreja cadastrou o projeto na plataforma Juntos pelas Crianças. “A experiência foi incrível, pelo fato de poder acrescentar na vida das famílias em um momento muito importante e difícil para elas. Isso me humanizou muito profundamente. Fica aqui a minha gratidão à Visão Mundial pela confiança na gente e por investir no desenvolvimento e bem-estar dessas famílias”, destaca Edvaldo Cordeiro, presidente da Comunidade Terapêutica do Maranhão.

O projeto Juntos pela Vida alcança os municípios de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Santa Quitéria e Presidente Médici. São 250 famílias cadastradas, o que corresponde a aproximadamente 330 crianças e 130 adolescentes. Além dos itens emergenciais, a campanha disponibiliza ainda de atendimento social e psicológico para aqueles que apresentarem algum tipo de transtorno decorrente da situação de isolamento devido à pandemia.

Para saber mais sobre o movimento Juntos pelas Crianças e de que forma projetos estão sendo apoiados durante a pandemia de COVID-19, acesse https://juntospelascriancas.com.br/

Texto: Ana Luz / Visão Mundial Brasil
Fotos: Divulgação / Juntos pela Vida