Visão Mundial realiza visita de monitoramento nas áreas afetadas pelas recentes chuvas no Recife

Na manhã dessa quinta-feira (25), foi realizada pela ONG Visão Mundial uma visita de monitoramento nas áreas afetadas pelas fortes chuvas no Recife e Região Metropolitana, onde a organização desenvolve programas com participação de crianças e adolescentes.

As equipes de Ministério e Emergência da Visão Mundial estiveram nas comunidades de Aritana e Passarinho, localizadas no bairro da Guabiraba, para verificar os danos que as chuvas causaram às famílias que vivem na região. A Escola União Comunitária, que atende 150 crianças, foi um dos prédios mais atingidos pelas recentes inundações, causando a perda do mobiliário e da merenda escolar.

De acordo com Thiago Machado, diretor de ministério da Visão Mundial, o foco em situações de emergência é salvar vidas, buscando coordenar sempre a resposta com organizações parceiras, tais como escolas, defesa civil, governo, igrejas, entre outros. “Nas regiões de Passarinho e Aritana, que visitamos hoje, percebemos grandes necessidade das famílias e comunidades, e estamos trabalhando para aliviar o sofrimento imediato dessas famílias e crianças com itens de primeira necessidade, além de uma campanha de doação de recursos para a reconstrução de escolas e casas afetadas”, disse Machado.

Na capital de Pernambuco, as chuvas dos últimos cinco dias causaram a morte de 12 pessoas que foram vítimas de deslizamento de barreiras e queda de árvores. O temporal também prejudicou a volta às aulas na rede pública de ensino. Segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), apesar da diminuição no volume, a previsão é de continuidade das chuvas na Região Metropolitana do Recife.

Veja a galeria de fotos da visita da Visão Mundial à comunidade da Guabiraba, zona norte do Recife:

Deixe uma resposta